Fuga(z)

o espontâneo, o pormenor, o retrato, o sentido - "Quem poderá deter o instante que não para de morrer?" (Sophia M.B. Andresen)

terça-feira, agosto 01, 2006

pes na agua

literalmente :)

7 Comments:

At 1:40 da manhã, Anonymous Anónimo said...

Ah! Os prazeres e delícias dos que estão de férias... :P

 
At 12:46 da manhã, Blogger neu said...

E que fresquinha devia estar ;)

Continua assim, com a camara na mão!

Bjokas ****

 
At 9:09 da tarde, Anonymous Joana said...

Gaja já postavas algo de novo nao?
beijo

 
At 3:55 da manhã, Anonymous a tua mestra said...

Bem que podes começar a tirar os pés da água e enxugá-los bem enxutos pq não será tão depressa que os libertarás de novo. Salvé ESCS e a carnificina total, mas desta vez com perspectivas de ponto final.

 
At 1:38 da manhã, Blogger neu said...

Tanto tempo com os pés na agua? Não te assustes quando os tirares... ;)

 
At 6:53 da tarde, Anonymous Joana said...

Ai que a "nossa mestra" rima.. toda ela rima:p

 
At 12:01 da tarde, Blogger Llew said...

realmente a rita anda desleixada!!!!

 

Enviar um comentário

<< Home